Nota de Esclarecimento

A Prefeitura Municipal de Poções, em resposta à matéria publicada no site Portal Poções,Rádio Web Educadora e reproduzida pela site Panorama Geral, onde a reportagem acusa a prefeito Municipal de Poções de perseguir um servidor municipal, esclarece que a transferência do servidor Irisvaldo Cunha ao Fórum Professor Raimundo Brito, se trata de um procedimento meramente administrativo,atendendo ao TERMO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CELEBRADA PELO MUNICÍPIO COM O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA BAHIA. Assim como foram feitos com outros servidores que já exercem atividades em diversos órgãos do estado e do município a exemplo do cartório eleitoral, ADAB, Policia Militar, Policia Civil, RETRAN, colégios do estado e Casa do Idoso.

Em nenhum momento houve desrespeito, constrangimento ou humilhação com o servidor, pois a gestão municipal entende que todos os servidores merecem respeito, independente de sua condição social, religiosa ou política. Por tanto a matéria se trata de uma acusação caluniosa e com cunho meramente sensacionalista e político no sentido de atingir ao Governo Municipal.

DECOM-PMP