Recepcionado pela secretária de assistência social, consultor da UNESCO visita Poções e conhece o Programa Criança Feliz


 

Na manhã desta quarta-feira, dia 07 de novembro, a Secretaria Municipal de Assistência Social de Poções recebeu a visita do consultor da UNESCO, Cesar Lopes. Na visita bastante produtiva, para tratar de assuntos relevantes do Programa Criança Feliz, o consultor foi muito bem recebido pela primeira-dama e secretária de assistência social, Laís Mascarenhas, juntamente com toda sua equipe.

A adesão ao programa foi feita pela Secretaria de Assistência Social do município no ano de 2017, e suas atividades foram iniciadas no mês de setembro do mesmo ano, com a formação do Comitê Gestor e a contratação do supervisor (a) e de cinco visitadoras, onde realizam a média de 500 visitas mensais.

“Foi um prazer apresentar o programa ao senhor Cesar Lopes O Criança Feliz, em nosso município, atende cerca de 150 famílias, com o intuito de desenvolver essas famílias e fortalecer os vínculos, oferecendo um acompanhamento adequado, conseguindo se desenvolver e criar boas raízes. Com esse programa a gente consegue promover o desenvolvimento humano a partir do apoio e acompanhamento do desenvolvimento infantil integral na primeira infância. Isso é possível com visitas periódicas dos nossos profissionais”, disse Laís Mascarenhas.

Após conhecer o desenvolvimento do projeto no município, o consultor Cesar Lopes teceu elogios à administração municipal, através da secretária de assistência social, Laís Mascarenhas.

O Programa Criança Feliz

É um programa coordenado pelo Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário, e articula ações das políticas de Assistência Social, Saúde, Educação, Cultura, Direitos Humanos e Direitos das Crianças e dos Adolescentes, dentre outras, tendo como fundamento a Lei nº 13.257, de 08 de março de 2016 – Marco Legal da Primeira Infância.

O programa visa implementar ações no campo das políticas públicas para o apoio às famílias no exercício das funções de proteção, cuidado e educação das crianças na primeira infância, fortalece a trajetória brasileira de enfrentamento da pobreza com redução de vulnerabilidades e desigualdades e potencializa a integração do acesso à renda com inclusão em serviços e programas. Além disso, renova, ainda, os compromissos do Brasil com a atenção às crianças com deficiência beneficiárias do BPC e suas famílias e também às crianças privadas do convívio familiar, acolhidas em serviços de acolhimento, e suas famílias – que são público prioritário do Programa.

Atualmente, o Criança Feliz, em Poções, conta com a supervisora Adriana de Sá Leite e as visitadoras Gildete Maria Gomes Leite, Ludmila da Silva Lima Andrade, Rosângela Nunes da Paixão, Silvana Silva Cunha e Ana Lúcia Gomes Barros.

DECOM-PMP